Como viajar para fora do país gastando pouco

Publicidade

Consegui viajar para fora do país gastando pouco não é uma tarefa fácil, na maioria das vezes os custos podem te aterrorizar.

Entretanto, há 5 passos simples para viajar para fora do país sem gastar muito, mesmo que você nunca tenha saído do Brasil.

E não, você não precisa virar um mochileiro para conseguir fazer essa viagem barata, tudo o que você precisa é de estratégias corretas.

Por fim, continue lendo e descubra como viajar para fora do país gastando pouco.

Corra do dólar

O fracasso do viajante internacional é o dólar, sempre nas alturas.

Basicamente, você precisa evitar gastar nessa moeda, para isso basta escolher destinos que a moeda tenha menos valor que a nossa.

Publicidade

Por exemplo, você pode visitar as pirâmides do Egito pagando apenas R$100,00 por dia para comer, beber e se hospedar.

Isso ocorre porque a moeda do Egito tem menos valor que a nossa, gerando a você mais poder de compra.

Portanto, o primeiro passo para viajar para fora do país gastando pouco é escolher destinos com moedas inferiores ao real brasileiro.

Hostel

Hotel é bom, mas está cada vez mais caro se hospedar em um.

Sendo assim, a melhor alternativa de hospedagem para economizar são os hostel, espaços onde as pessoas compartilham um ambiente.

Não, você não precisa dividir quarto ou banheiro, vários hostel contam com a opção de quarto individual com banheiro.

Ou seja, você compartilha apenas a cozinha, sala e demais espaços.

Publicidade

Considerando o fato que você está viajando a passeio, não vai ficar hospedado por muito tempo certo?

Pois bem, se hospedar em um hostel você economiza pelo menos 30% em hospedagem na sua viagem.

Você pode encontrar um hostel usando o Hostelword.

Escolha atrações gratuitas

Em qualquer lugar que você vá existem atrações gratuitas, aproveite elas em sua viagem internacional.

Isso não significa que você precisa eliminar os gastos com atrações privadas, mas é bom reduzir e dar preferência para as opções gratuitas.

Esses simples comportamentos podem trazer uma economia de até 20% em sua viagem, ou seja, dinheiro economizado.

Mais uma vez reforçamos que você não precisa eliminar as atrações pagas, apenas economize.

Publicidade

Comida é comida

Tudo bem, restaurantes sofisticados são legais, mas também são caros.

Sendo assim, evite comer em lugares muito caros, não importa se você vai almoçar no “Restaurantê Nunseiq” ou no “Bar do Tecoteco”.

Procure dar preferência em comer nos lugares mais baratos, não gaste com comidas caras apenas para impressionar as pessoas.

Analise seus gastos

Se quer viajar para fora do país gastando pouco você também precisa estar sempre de olho nos seus gastos.

Basicamente, eles devem estar dentro do orçamento estabelecido, sem isso sua viagem certamente será um desastre.

Tenha atenção aos gastos como transporte, hospedagem e alimentação, esses costumam ser os mais alternativos.

Em resumo, para conseguir viajar para fora do país gastando pouco, faça análise dos seus gastos diariamente.

Publicidade

Considerações finais

Sabemos que viajar para fora do país gastando pouco não é uma tarefa muito fácil.

Entretanto com essas dicas garantimos que você terá uma redução de no mínimo 30% em sua viagem internacional.

Sendo assim, esperamos que você tenha aprendido a viajar para fora do país gastando pouco, boa viagem!

 

GUSTAVO

Gustavo atua criado conteúdo de relevância desde 2022, elevando ainda mais o conhecimento e experiência do usuário

Deixe uma resposta

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo